Técnicos administrativos da UEFS E UNEB ocupam as ruas no Dia Estadual de Luta e Paralisação

Servidores técnicos administrativos da UEFS e UNEB participaram nesta terça-feira (02), do Dia Estadual de Luta e Paralisação dos Servidores Públicos da Bahia. Servidores do funcionalismo público de diversas categorias realizaram grande ato no Campo Grande e saíram em caminhada pelo centro da cidade até a Praça Piedade, com carro de som, faixas, cartazes e percussão, para denunciar à sociedade baiana os descasos do Governo do Estado contra os servidores públicos.

A paralisação de 24 horas construída por cinco entidades, SINTEST/BA, SINPOJUD, SINDSEFAZ, SINDSAUDE e APLB-Sindicato, pautou falta de reajuste linear, o péssimo atendimento no Planserv e o pagamento imediato do URV. Os técnicos universitários da UEFS e UNEB também levaram para as ruas cartazes destacando a questão do plano de carreira, que completou 10 anos e necessita de ajustes, pois da forma atual promove o congelamento de Progressão e Promoção resultando em perdas financeiras para os servidores e o mais grave, técnicos que recebem salário base inferior ao salário mínimo.

“Esse é um dos movimentos unificados que as cinco entidades vem construindo desde a ocupação da AL-BA em Dezembro e não vamos parar. Esperamos que o Governador Rui Costa e seus secretários abram uma mesa de negociação para dialogarmos sobre as necessidades dos servidores públicos do estado”, destacou Daiana Alcântara coordenadora geral do SINTEST/UEFS.

As entidades aguardam um posicionamento do governo e, caso eles não atendam as reivindicações das categorias, os servidores ameaçam uma greve geral no serviço público estadual.

Confira as fotos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *