Presidente da CTB integrará equipe de transição do governos Lula sobre Trabalho

Spread the love

 

O movimento sindical estará presente na equipe de transição de governo anunciada hoje (16) pelo vice-presidente eleito Geraldo Alckmin.

Alckmin fez o anúncio na sede do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) em Brasília, que é o local onde está a equipe de transição do governo Jair Bolsonaro para o governo Lula.

Os nomes apresentados para seus integrantes do grupo sobre trabalho. Confira:

Adilson Araújo, presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB).

André Calixtre, pesquisador do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, foi chefe da Assessoria Técnica da Presidência do IPEA e assessor da Secretaria-geral da Presidência da República;

Clemente Ganz Lucio, sociólogo, foi diretor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) e membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social.

Fausto Augusto Júnior, professor universitário e diretor técnico do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos;

Laís Abramo, socióloga, mestre e doutora em Sociologia pela USP; foi diretora da Divisão de Desenvolvimento Social da Cepal, diretora da OIT no Brasil e especialista regional em Gênero e Trabalho da OIT para a América Latina;

Miguel Torres, presidente da Força Sindical;

Patrícia Vieira Trópia, doutora em Ciências Sociais pela Unicamp, docente do Instituto de Ciências Sociais da Universidade Federal de Uberlândia;

Ricardo Patah, presidente da União Geral dos Trabalhadores (UGT);

Sandra Brandão, economista, mestre em Economia pela Unicamp;

Sérgio Nobre, presidente Nacional da Central Única dos Trabalhadores (CUT).

O Fórum dos Técnicos afiliado da Central e a diretora geral do Sintest-Ba, Daiana Alcântara, que faz parte da coordenação da Ctb Nacional e da Ctb Bahia expressaram grande contentamento com as nomeações.

“Conseguimos eleger um governo democrático. A missão agora é trabalhar com afinco para alavancar as prioridades da classe trabalhadora e a participação do presidente da nossa Central sindical, Adilson Araújo, na equipe nos deixa esperançosos, pois sabemos que as pautas da classe trabalhadora serão levadas ao debate e lá estaremos bem representados”, disse Alcântara.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *