Festival de Sanfoneiros aqueceu os corações da comunidade acadêmica

Spread the love

A Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), através do Centro de Cultura e Arte (Cuca) e com apoio do Serviço Social do Comércio (Sesc), promoveu na noite de quarta-feira (25), a 11ª edição do Festival de Sanfoneiros, no Auditório Central do campus universitário. O evento foi gratuito, e reuniu mais de 800 pessoas.

O Festival premiou sanfoneiros de quatro estados brasileiros em três categorias: sanfona de até oito baixos, sanfona acima de oito baixos e infanto-juvenil, para sanfoneiros com até 14 anos. Todos os finalistas receberam o prêmio de seleção no valor de R$ 3 mil. A premiação total foi de R$ 30 mil.

Nesta edição, pela primeira vez a votação do júri popular foi realizada no formato on-line e o público presente no auditório e acompanhando a transmissão ao vivo pelo canal no YouTube da TV Olhos D’Água escolheu os vencedores através de um formulário. Na categoria sanfona de até oito baixos, o feirense Estevão de Souza Oliveira, conhecido artisticamente como Maracás dos 8 baixos, teve 81,4% dos 1.317 votos. Na categoria sanfona acima de oito baixos o prêmio de júri popular, que é de R$ 2 mil, foi entregue a Inácio Botêlho, de Teresina, no Piauí. Ele teve 56,4% dos 3.751 votos. Ainda na premiação de júri popular, Wendell Ayel, de 10 anos, natural de Itapetim, em Pernambuco, ficou com o prêmio. O jovem sanfoneiro foi o único finalista na categoria infanto-juvenil. Na categoria até oito baixos o vencedor foi Ivison Santos Silva, de Caruaru, Pernambuco, e na categoria acima de oito baixos Vinicius Bianchini, de Lagoa Vermelha, no Rio Grande do Sul, ficou com o prêmio. As visualizações foram contabilizadas até o dia 24 de maio. Os vídeos ainda podem ser acessados através do perfil  @cuca_uefs no Instagram.

Na parte externa ocorreu uma edição especial da Feira Saberes e Sabores, que é promovida pela Incubadora de Iniciativas de Economia Solidária da Uefs. Produtores da agricultura familiar, dos distritos de Maria Quitéria e da Matinha, e da comunidade Lagoa Salgada, em Feira de Santana, e do município de Valença comercializaram itens como bolos, acarajé, tapioca, hortaliças orgânicas e amendoim.

A diretora geral do Sintest-BA, Daiana Alcântara, participou do momento e destacou que: “depois desses 2 anos sem São João presencial, esse festival nos emociona. A decoração estava linda, os poemas, a sanfona, o forró, a energia. Foi maravilhoso!”

A programação ainda contou com uma homenagem a Baio do Acordeom, artista com mais de 70 anos de carreira. Ele se apresentou no evento com a banda “Os bambas do Nordeste”, da qual faz parte. O sanfoneiro, que recebeu o troféu da servidora aposentada da Uefs, Goreti Figueiredo, foi o primeiro campeão do Festival de Sanfoneiros.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/zigzagdo/sintestuefs.com.br/wp-includes/functions.php on line 5219

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/zigzagdo/sintestuefs.com.br/wp-content/plugins/really-simple-ssl/class-mixed-content-fixer.php on line 110