Em live Fórum dos Técnicos debate desafios ao funcionalismo público

“Desafios ao funcionalismo público na pandemia”, esse foi o tema debatido em mais uma live realizada pelo Fórum dos Técnicos, na tarde de ontem (26).

A transmissão contou com a participação de Daiana Alcântara (presidente do Fórum dos Técnicos), Firmino Júlio, (coordenador geral do Sintest/Uneb), Rafael Bertoldo (presidente da Afusc Uesc), Márcio Dias (presidente da Afus Sindicato), Thalita Araújo e Irzyane Cazumbá (tradutoras em libras), Ivanilda Brito (Presidente do Sindsaúde), Rui Oliveira (Presidente da Aplb), Cláudio Meirelles (Diretor do Sindsefaz) e Maria José Silva “Zézé” (Sinpojud). Luiz Ricardo (coordenador do Sintest Uefs) foi o mediador da live.

“Os trabalhadores da saúde pública mostraram a sua competência, pois estão enfrentado a pandemia com toda força. Muitos passaram mais de 60 dias fora de casa, longe dos seus familiares para protegê-los. É preciso que o governador entenda a importância e a valorização destes profissionais que cuidam da vida. Nós mostramos que sem servidor público a sociedade estaria totalmente desamparada neste momento. Queremos dizer para todos os servidores que estamos juntos”, disse Ivanilda Brito.

“O ano de 2020 começou muito difícil para nós, desde o final de 2019 lutamos contra a reforma da previdência que penaliza excessivamente o servidor. Nós ficamos praticamente dois meses na Assembleia Legislativa e graças a essas articulações, conseguimos minorar os efeitos de algumas medidas. Isso mostra que o caminho é a luta e a articulação dos sindicatos. E o Sindsefaz, vem aqui manifestar a sua intenção em participar dessas lutas em defesa do funcionalismo público”, destacou Cláudio Meirelles.

Para Rui Oliveira, Presidente da Aplb, é impossível o retorno das aulas presenciais no momento. “Estamos construindo uma frente em defesa da vida e da democracia com as centrais sindicais para que possamos fazer um manifesto e dizer para os governadores e prefeitos que vidas não se recuperam. A nossa luta é em defesa da vida e não vamos abrir mão. Os prejuízos da pandemia são imensuráveis, tanto para os trabalhadores quanto para a educação em todos os setores, informou.

Maria José demonstrou sua preocupação no retorno ao trabalho presencial dos servidores judiciários, neste momento em que na Bahia há um crescimento muito grande de contaminação da Covid-19. “Nós do judiciário estamos vivendo uma situação difícil, todos os dias é uma ameça para que voltemos ao trabalho presencial. Temos vários trabalhadores assintomáticos e que testaram positivo para o COVID-19”, reforçou.

Confira a live completa em nossas páginas no Facebook e canal no YouTube do Fórum dos Técnicos Bahia.

A próxima live do Fórum dos Técnicos acontecerá no dia 08/09, às 16h, e terá como tema “Impactos da covid-19: Agravamento da ansiedade, abuso de álcool, depressão e suicídio. Vamos falar sobre isso”? Não perca!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *